15votadas

Da Guerra Civil na Galiza À Batalha do Cambedo da Raia

Ao raiar do dia 20 de Dezembro de 1946, dez anos e meio depois da sublevação militar fascista contra a República espanhola, a aldeia fronteiriça de Cambedo da Raia, no concelho de Chaves, despertou ao som de tiros e rajadas de metralhadora. Durante a noite, a aldeia tinha sido cercada por um enorme aparato de forças da GNR e da PIDE, inseridas numa operação que decorria em simultâneo noutras cinco aldeias raianas vizinhas e contava com um dispositivo de centenas de elementos da Guardia Civil do outro lado da fronteira...

23votadas

1486 na origem do "auto-ódio" dos/as galegos/as?

1486-2014: 528 anos de "Doma y Castración". Será que vem daí o famoso "auto-ódio" dos/as galegos/as?

 6 comentarios en: Cultura, Historia karma: 83
13votadas

O primeiro ato sexual da História: de lado e com muita dificuldade vídeo

Investigação a fósseis com 380 milhões de anos mostra como os primeiros animais a desenvolverem órgãos sexuais tinham dificuldade em copular. Os corpos fossilizados de peixes de água doce extintos há milhões de anos sugere que os primeiros atos sexuais eram manobras complicadas, com o macho a precisar de se colocar encostado à fêmea de forma a introduzir o seu "pénis" em forma de L entre duas placas genitais no seu corpo. O jornal britânico The Guardian publica uma animação por computador que demonstra os movimentos.

 1 comentarios en: Cultura, Historia karma: 94
23votadas

Galiza no Mapa-Múndi do ‘Rudimentum Novitiorium‘ de Lucas Brandis de 1475

Mapa-Múndi circular de Lucas Brandis de Schass. Publicado em 1475 a partir duma xilogravura no 'Rudimentum Novitiorum' em Lübeck. Neste mapa, a Galiza aparece em destaque na parte inferior limitando com Dácia (centro da Europa) e a Anglia (ilhas británicas). O mapa mostra a sua localização nos confins do ocidente, situada portanto na parte mais ocidental do mundo.

farm4.staticflickr.com

 6 comentarios en: Cultura, Historia karma: 101
25votadas

Mariñeiros que deixaron marca

praza.gal
Os mariñeiros da Guarda posuían un complexo sistema de marcas identificativas, perdido ao longo do século XX.

 3 comentarios en: Cultura, Historia karma: 79
17votadas

A incrível história da descoberta do ébola

Um dos homens que descobriu o ébola fala sobre as parcas condições de segurança que existiam na altura, em meados da década de 1970: "Não tínhamos ideia de que [o vírus] se transmitia através de fluidos corporais". Um dos frascos que continha o vírus chegou mesmo a cair e partiu-se nos pés de um dos investigadores. A nova descoberta, por sua vez, roubaria o nome a um afluente do rio Congo: o Ébola. O surto que vivemos atualmente "não é apenas uma epidemia, é uma catástrofe humanitária", assegura Piot.

23votadas

Como Moçambique viveu a independência

O verão de 1975 viu nascer um país em África: Moçambique. A ex-colónia portuguesa, após a guerra de independência que pôs fim a 500 anos de colonização, tornava-se um Estado soberano.

24votadas

Castro Laboreiro, anos 30: as migrações e o contrabando descritos no livro "Maria dos Tojos"

A dificuldade maior, quanto ao gado, era “conduzir os bois até ao outro lado do ribeiro”, pois se os carabineiros se mostravam complacentes, os guardas-fiscais mostravam-se rigorosos. O tráfico vertia-se em dinheiro e do lucros saíam comissões para os conhecedores da terra que adquiriam os animais aos camponeses da zona e angariavam compradores na fronteira galega depois de passá-los a vau. Contudo, tanto do lado da Galiza, “defronte, na outra margem do ribeiro”, como de Portugal, “a mesma cadeia de montes se abraçava”...

 sen comentarios en: Cultura, Historia karma: 106
42votadas

Estragam uma mámoa do Parque do Megalitismo para plantar eucaliptos

A Arquinha de Vila-seco (paróquia de Castrelo, Terra de Soneira) era uma das 14 mámoas dolmeníticas selecionadas para formar parte do projeto do Parque do Megalitismo da Costa da Morte, paralisado pela Xunta, e a mais abandonada malia a sua destacada importância. Uns trabalhos florestais vêm de provocar danos de muita gravidade que terão que ser avaliados por profissionais.

 sen comentarios en: Cultura, Historia karma: 101
23votadas

Un petróglifo emerxe das cinzas do Monte Pindo [spa]

Dous veciños de Carnota localizaron este domingo durante unha visita ao Monte Pindo un petróglifo sen catalogar, próximo ao camiño desde Frieiro. Segundo informou a Asociación Monte Pindo Parque Natural nun comunicado, trátase dunha cruz “extraordinariamente semellante” ás presentes no cume da Laxe da Moa, aínda que moito menos erosionada.

13votadas

Do referendo à independência de Timor

Foram 24 anos de ocupação, de dezembro de 1975 a agosto de 1999. Para a Indonésia era fundamental impedir um regime marxista na sua fronteira. Para os timorenses, o direito à independência era inalienável. Um quarto de século mais tarde, após a resistência armada, era através do voto que se abria o capítulo final dessa luta – ainda marcada pela violência, que força uma intervenção internacional. Mas a independência era irreversível e chegaria em 2002.

14votadas

Tudo o que precisa saber sobre a Catalunha

Ao contrário da Escócia, onde o referendo de 18 de setembro foi reconhecido por Londres, Madrid opôs-se sempre a este tipo de veleidades da independência da Catalunha. O recurso deposto pelo governo central foi validado pela mais alta instância espanhola, o Tribunal Constitucional. Barcelona anunciou, logo a 30 de setembro, a suspensão da campanha para o referendo, só que, apesar disso, vai usar de todos os meios possíveis para cumprir os seus “compromissos”.

14votadas

Os USA planejaram bombardear Cuba após apoio de Castro à independência de colônias africanas

“Acho que nós devemos esmagar Castro. Mas provavelmente não podemos fazer isso antes das eleições presidenciais”, aconselhou Kissinger ao então presidente, Gerald Ford (1974-1977), durante uma reunião em 24 de março de 1976. “Eu concordo”, respondeu o presidente. Esse plano secreto de Kissinger contra foi publicado hoje em um livro intitulado “Back Channel to Cuba: The Hidden History of Negotiations Between Washington and Havana”, escrito pelo professor da American University William M. LeoGrande e por Peter Kornbluh

29votadas

Instituto Gallaecia disponibiliza redesenho da bandeira histórica galega do 'Galliciense Regnum' Suevo

Instituto Gallaecia apresenta um redesenho e estilização desta bandeira histórica galega a partir da proposta estabelecida por Rodríguez Fernández, T. (2010) no artigo: A bandeira sueva do Reino da Gallaecia revista. Revista Agalia. Nº 102 / 2º Semestre (2010). pp. 221-241 [Descarregar artigo em .PDF: goo.gl/B0H2f6]

farm3.staticflickr.com

 4 comentarios en: Cultura, Historia karma: 103
24votadas

Galiza e Spania segundo o Mapa-Múndi das Etimologias do 946 d.C

No Mappamundi da obra Etimologias de Santo Isidoro de Sevilha do 946 d.C. podemos ver com clareza como a Península Ibérica é dividida entre duas entidades políticas claramente diferenciadas: Spania (área muçulmana) na parte superior e Gallaecia na parte inferior. O manuscrito conserva-se na Real Academia de la Historia, Madrid, Espanha. Cod.25, f.204v

farm3.staticflickr.com

 sen comentarios en: Cultura, Historia karma: 104
« anterior12345...85» seguinte

Chuza